Escola de Folclore, uma realidade em Almeirim

22 12 2010


Pensada à muito tempo, foi criada à cerca de um ano a Escola de Folclore do Rancho Folclórico da Casa do Povo de Almeirim, espaço onde os mais novos possam aprender as danças e os cantares da sua terra e todas as valências tradicionais que fazem parte de uma vivência comunitária.


Embora já existam relatos da existência de grupos de pessoas, que se juntavam e se trajavam conforme a tradição das suas terras, para animarem festas e estarem presentes em eventos a representarem a sua região, antes de 1939, após esta data e com as directrizes de António Ferro, o folclore é aproveitado pelo governo de Salazar como animador do povo, e ao mesmo tempo seria uma forma de desviar as atenções para outros lados e manter o povo contente e feliz. De referir que o Ribatejo, como província, só aparece em 1936.

Leia o resto deste artigo »

Anúncios







%d bloggers like this: